Desemprego em Portugal

Está hoje a ser noticiado que a taxa de desemprego em Portugal subiu para 10.9% em Maio, mas será que que desses quase 11% estarão todos efectivamente desempregados, ou estão a auferir rendimentos sem declarar nada para manterem o Subsidio de Desemprego??

Estamos no Verão em qualquer esplanada que se vai na praia, é se atendido pessoas que trabalham na area sazonalmente será que alguem faz descontos? quantos é que alem do salario que auferem e não declaram recebem também fundo de desemprego?

Já para não falar no eternos “Biscateiros” que são paus para toda a obra, com um unico senão “Não há factura!!”, quantos destes receberão também o fundo de desemprego como um extra??

Não posso deixar de referir algo que vi à pouco tempo num jornal em que havia sido desmantelada uma rede de trafico e que todos os elementos estavam a receber o Rendimento Social de Inserção, apesar de se deslocarem em grandes carros e mostrarem vários sinais exteriores de riqueza.

Quantos “chulos”, quantos traficantes, quantos ladrões estarão a receber fundos de desemprego? ou Rendimento minimo de inserção??

2 comentários em “Desemprego em Portugal”

  1. Bom dia,

    Pelo que sei o Subsídio de Desemprego tem regras, uma delas é a sua duração. Não me parece que alguém que viva apenas de biscates venha a ter o Subsídio de Desemprego durante muito tempo. O problema é que está a haver uma sangria de emprego que leva a que haja mais pessoas a serem desempregadas do que empregadas, e é isso que leva ao aumento alucinante do desemprego.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *